quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Pedido especial


Hoje voltei a tentar pedir. Quem precisa, pede. Não sei se me faço ouvir, peço tão baixinho... Tenho falado tanto para as paredes...
Mas o meu coração fala mais alto, fala a um Deus que não conheço e que a minha cabeça não reconhece na lógica da vida; ou, melhor, na falta dela, que é com o que a vida mais nos surpreende.
Acho que o meu coração não fala para as paredes. Ele é sincero, penso que bom e não pede só por mim, mas roga também pelos meus e por todas as pessoas que comigo atravessam este caminho de picos; por todos, porque todos precisamos de ajuda, porque todos precisamos do mesmo: saúde, paz e amor. Três palavras, um só significado. Que o ouçam, ao meu coração, é tudo o que peço. Em alto e bom som.
.